Containers em terminal portuário

Importância do planejamento de rotas no transporte de carga

Quando você – ou a empresa responsável pelo transporte de carga – faz um planejamento de rotas é possível alcançar inúmeros benefícios com esse processo.

Um deles é a redução de custos. Ao reduzir os custos operacionais, você consegue montar uma proposta comercial com um valor menor, e assim repassá-lo para o cliente.

Dessa forma, a participação no mercado é elevada, já que os preços passam a ser mais competitivos.

Para saber qual a importância do planejamento de rotas no transporte de cargas, continue a leitura!

O que é o planejamento de rotas?

Conhecido também como cálculo de rota ou roteirização, o planejamento de rotas consiste em determinar qual será o melhor itinerário para as frotas.

Esse processo prevê qual será a rota mais curta, econômica e rápida, garantindo assim eficiência e satisfação do cliente, além de garantir a segurança dos condutores dos veículos.

Por que fazer o planejamento de rotas?

Ao planejar a rota da sua empresa de transporte de cargas, pensando em todos os contratempos que podem acontecer no trajeto, você garante uma redução de custos de uma forma geral, como:

  • Economia de combustível;
  • Prevenção de manutenções corretivas e substituição de veículos;
  • Pedágios desnecessários;
  • Evita desgastes de pneus e peças.

Veja abaixo mais algumas vantagens em calcular a rota!

Benefícios do planejamento de rotas

Além do planejamento de rotas possibilitar a redução de custos, ele também melhora o rendimento de recursos corporativos, otimizando as operações de transportes e os resultados logísticos.

Tudo isso reflete no aumento da margem de lucro.

Para que você entenda melhor isso, leia abaixo os itens que mais se destacam ao montar um itinerário para o transporte de carga.

 

Redução do percurso

Quando a rota é traçada com antecedência, visando o melhor tempo, qualidade da estrada e evitando possíveis trânsito, o percurso da entrega é reduzido.

Com uma rota eficiente, você traz diversas melhorias, como economia no combustível, ampliação da vida útil do caminhão, entre outras que serão citadas logo abaixo.

 

Economia de combustível

O consumo de combustível é um dos fatores mais determinantes na hora de taxar o preço de um frete.

Por isso, conseguindo reduzir o percurso, você consegue economizar no consumo de combustível e, assim, deixar o preço mais atrativo para o cliente, garantindo uma possível contratação.

 

Leia também: Impacto do preço do diesel no Transporte Rodoviário

Melhor uso da frota

Além de preservar o caminhão – e as quilometragens – o planejamento de rotas também pode ajudar a melhorar o uso da frota.

Isso pode resultar na escolha correta de caminhão para cada tipo de demanda, levando em consideração o peso, o volume da mercadoria e a cubagem do veículo.

Repensando esses itens, pode até mesmo reduzir a quantidade de manutenções que são feitas, ao não sobrecarregar um veículo que não está apto para tal função.

 

Aumento da satisfação dos clientes

Com os custos operacionais reduzidos e a empresa utilizando seus recursos de forma efetiva, a proposta comercial de uma transportadora pode se tornar mais atrativa para o cliente.

Além do cliente perceber um preço vantajoso, ainda nota que o serviço prestado teve agilidade e cuidado com a carga transportada.

Garantindo a satisfação do cliente, você aumentará a chance de negociações e fidelizações.

 

Como criar uma rota eficiente de entregas?

Algumas informações são imprescindíveis na hora de começar a planejar a sua rota de entrega. Por exemplo, algumas cidades têm seu próprio regulamento quando se trata de circulação de caminhões e paradas de carga e descarga para veículos de grande porte.

Por isso fique atento na hora de calcular a rota!

Informações úteis para a roteirização de percurso:

  • Condições de trânsitos;
  • Qualidade das vias e estradas onde a frota vai circular;
  • Distância percorrida;
  • Valores de pedágios;
  • Restrições locais de altura e tráfego de veículos;
  • Saber se há obras na rota traçada.

Conclusão sobre o planejamento de rotas para o transporte de carga

O planejamento de rotas é essencial para quem trabalha com frete e transporte de carga, pois permite a otimização do serviço e a redução dos prazos de entregas.

Além de trazer melhorias para a empresa – como a elevação da produtividade – também garante qualidade e preço justo para o cliente.

A não utilização do planejamento de rotas pode aumentar os custos operacionais, como gasto desnecessário de combustível, ou até mesmo aumentar a frequência com que os pneus são trocados.

 

Portanto, se você estiver precisando de uma transportadora rodoviária que faça o planejamento de rotas, entre em contato conosco, da RodoQuick!

Precisa de ajuda? Converse Conosco
Need Help? Talk to us!